DISCIPLINA
Professor
Data de início
Nº de Aulas para
desenvolver o Tema
HISTÓRIA
ADRIANA GOMES
MESSIAS
Política Externa no...
OBJETIVO
Identificar as relações externas do Brasil com os países da
América Platina e com a Inglaterra e suas consequênci...
REFERÊNCIAS PARA APROFUNDAMENTO,
ESTUDO E PESQUISA
http://revistaescola.abril.com.br/fundamental-2/como-foi-participacao-b...
Questão Christie (1861-1865)
• Relações diplomáticas entre o Brasil e Inglaterra
estavam estremecidas desde 1831 devido a ...
• 1º) O Sumiço da carga inglesa em 1861 na ocasião do
naufrágio do navio inglês, o embaixador inglês
William Christie pedi...
Questões na América latina
• O Brasil temia que o Uruguai, Paraguai e
Argentina formassem uma única nação e com
isso seria...
Guerra do Paraguai (1865-1870)
• O Brasil defendia a livre navegação na bacia
platina;
• A Argentina queria a unificação d...
Início das tensões
• Em novembro 1864 o Brasil bloqueou o porto
de Montevideu;
• Em novembro de 1864 o Paraguai aprisionou...
Formação da Aliança
• Tríplice Aliança: Argentina, Uruguai e Brasil
X
Paraguai
Consequências
As consequências após o conflito foi um
grande negocio para os aliados e não para o
Paraguai, o pais perdeu ...
Curiosidades
- O Paraguai sofreu grande redução em sua população. A guerra acentuou um
desequilíbrio entre a quantidade de...
Para refletir sobre as imagens
: Juan Manuel Blanes - La paraguaya.
Cadáveres e destruição
Os aliados compartilham a mesma trincheira.
O Imperador D. Pedro II em traje de campanha
seguindo para o Paraguai.
Oficiais brasileiros e fardamentos utilizados.
Propaganda Anti paraguai no Brasil. Será que
somente Solano Lopez era sanguinário?
Solano Lopez, como sanguinário. Caricat...
Em RESUMO
Os principais conflitos
1- Em 1864, o Brasil invade o Uruguai para afastar do poder o setor blanco radical. Esse...
Politica externa no segundo reinado g paraguai
of 17

Politica externa no segundo reinado g paraguai

Politica Externa no Segundo Reinado
Published on: Mar 4, 2016
Published in: Education      
Source: www.slideshare.net


Transcripts - Politica externa no segundo reinado g paraguai

  • 1. DISCIPLINA Professor Data de início Nº de Aulas para desenvolver o Tema HISTÓRIA ADRIANA GOMES MESSIAS Política Externa no Segundo Reinado 2013 02 AULAS
  • 2. OBJETIVO Identificar as relações externas do Brasil com os países da América Platina e com a Inglaterra e suas consequências para a política e economia interna. Analisar as características gerais do Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai no século XIX; - Analisar antecedentes e desdobramentos do conflito; - Refletir sobre os diferentes olhares frente à Guerra do Paraguai.
  • 3. REFERÊNCIAS PARA APROFUNDAMENTO, ESTUDO E PESQUISA http://revistaescola.abril.com.br/fundamental-2/como-foi-participacao-brasil-guerra- paraguai-647780.shtml http://jogosonlinegratis.uol.com.br/jogoonline/guerra-do-paraguai/ http://bndigital.bn.br/guerradoparaguai/galerias/litografias/index.htm?detectflash=false& http://bndigital.bn.br/guerradoparaguai/galerias/uniformes/index.htm?detectflash=false& http://tvescola.mec.gov.br/index.php?option=com_zoo&view=item&item_id=47 99 Vídeo Brasil 500 anos..
  • 4. Questão Christie (1861-1865) • Relações diplomáticas entre o Brasil e Inglaterra estavam estremecidas desde 1831 devido a questão abolicionista, piorando em 1844 quando o governo promulgou a tarifa Alves Branco aumento impostos sobre os produtos importados (protecionismo alfandegário). • Em 1845 Inglaterra decretou a Bill Aberdeen, que estabelecia o direito da Inglaterra de fiscalizar o Atlântico para apreender navios negreiros. • Neste contexto delicado ocorreu a QUESTÃO CHRISTIE:
  • 5. • 1º) O Sumiço da carga inglesa em 1861 na ocasião do naufrágio do navio inglês, o embaixador inglês William Christie pediu uma indenização de 3.200 libras pela carga desaparecida. • 2º) Prisão de três marinheiros ingleses que embriagados brigaram no Rio de Janeiro, o embaixador exigiu a libertação dos marinheiros declarando ser uma ofensa a prisão. • O caso foi levado para arbitramento internacional e o rei Leopoldo I, da Bélgica que determinou inocência do governo brasileiro, a Inglaterra não devolveu o valor da indenização= Rompimento diplomático
  • 6. Questões na América latina • O Brasil temia que o Uruguai, Paraguai e Argentina formassem uma única nação e com isso seria prejudicada a sua livre navegação pelo Prata. • Entre 1851 e 1852 houve a guerra que envolveu o Brasil, Uruguai e Argentina = A Guerra do Prata, ou Guerra contra Oribe e Rosas pela hegemonia do Rio do Prata.
  • 7. Guerra do Paraguai (1865-1870) • O Brasil defendia a livre navegação na bacia platina; • A Argentina queria a unificação da região e incorporar os antigos territórios do Reinado do Prata . • O Paraguai governado pelo ditador Solano López ambicionava formar o Grande Paraguai. • O Uruguai era Estado tampão e era influenciado pela Argentina e Brasil
  • 8. Início das tensões • Em novembro 1864 o Brasil bloqueou o porto de Montevideu; • Em novembro de 1864 o Paraguai aprisionou o vapor brasileiro que subia o Rio Paraguai rumo ao Mato Grosso. • E Dezembro de 1864 as tropas paraguaias invadiram o mato Grosso e depois invadiram a Argentina
  • 9. Formação da Aliança • Tríplice Aliança: Argentina, Uruguai e Brasil X Paraguai
  • 10. Consequências As consequências após o conflito foi um grande negocio para os aliados e não para o Paraguai, o pais perdeu mais da metade da população masculina e para muitos o Paraguai ainda não se recuperou, o pais ficou endividado contraindo dividas dos ingleses, a guerra não foi bom negocio para negros que não ganharam a liberdade e nem para indígenas que foram envolvidos no conflito, a guerra não foi um bom negocio para a Argentina, que não conseguiu territórios do Paraguai mas dividas com a Inglaterra.
  • 11. Curiosidades - O Paraguai sofreu grande redução em sua população. A guerra acentuou um desequilíbrio entre a quantidade de homens. Algumas fontes citam que 75% da população teria perecido ao final da Guerra. Estimativas atuais, contudo, fixam o percentual de perdas de vidas entre 15% e 20% da população. - Dos cerca de 160 mil brasileiros que combateram na guerra, as melhores estimativas apontam cerca de 50 mil óbitos e outros mil inválidos. Outros ainda estimam que o número total de combatentes pode ter chegado a 400 mil, com 60 mil mortos em combate ou por doenças. - As forças uruguaias contaram com quase 5.600 homens, dos quais pouco mais de 3.100 morreram durante a guerra devido às batalhas ou por doenças. Já a Argentina perdeu cerca de 18 mil combatentes dentre os quase 30 mil envolvidos. Outros 12 mil civis morreram devido principalmente a doenças. -As altas taxas de mortalidade na guerra não foram decorrentes somente por conta dos encontros armados. Entre os brasileiros, pelo menos metade das mortes tiveram como causa doenças típicas de situações de guerra do século XIX. A principal causa mortis durante a guerra parece ter sido o cólera. -O mercado paraguaio abriu-se para os produtos ingleses e o país viu-se forçado a contrair seu primeiro empréstimo no exterior: um milhão de libras da Inglaterra, que se pode considerar a potência mais beneficiada por esta guerra.
  • 12. Para refletir sobre as imagens : Juan Manuel Blanes - La paraguaya. Cadáveres e destruição
  • 13. Os aliados compartilham a mesma trincheira.
  • 14. O Imperador D. Pedro II em traje de campanha seguindo para o Paraguai. Oficiais brasileiros e fardamentos utilizados.
  • 15. Propaganda Anti paraguai no Brasil. Será que somente Solano Lopez era sanguinário? Solano Lopez, como sanguinário. Caricatura de Angelo Agostini na Revista Fluminense, 12 06 1869.
  • 16. Em RESUMO Os principais conflitos 1- Em 1864, o Brasil invade o Uruguai para afastar do poder o setor blanco radical. Esse grupo convence o Paraguai de que os brasileiros iriam voltar-se contra sua soberania. 2- O exército paraguaio invade o Mato Grosso, em 1864, e a província argentina de Corrientes, em 1865, iniciando a guerra. Brasil e Argentina defendem seus territórios. 3- Ao mesmo tempo, inicia uma guerra civil no Uruguai entre blancos e colorados, grupo que vence e tem o apoio de Brasil e Argentina. Uruguai une-se ao bloco brasileiro. 4- Em 1870, o brasileiro duque de Caxias (1803-1880) impede que o Paraguai domine o Mato Grosso. O líder paraguaio Solano López (1827-1870) morre em batalha, e a guerra termina.