relatório anual
O QUE ESPERAR DOS
APLICATIVOS PARA EVENTOS EM
Crédito – foto de capa
Título: LEGO Back to the Future DeLor...
O QUE ESPERAR DOS APLICATIVOS PARA EVENTOS EM 2016
SUMÁRIO
Introdução........................................................
O QUE ESPERAR DOS APLICATIVOS PARA EVENTOS EM 2016
4
INTRODUÇÃO
A cada ano, os paradigmas de inovação são
alterados nos ma...
O QUE ESPERAR DOS APLICATIVOS PARA EVENTOS EM 2016
A EXPERIÊNCIA DO USUÁRIO SERÁ
UM DIVISOR DE ÁGUAS
5
Há muito, falar da ...
O QUE ESPERAR DOS APLICATIVOS PARA EVENTOS EM 2016
OS DADOS GERADOS PELOS
APLICATIVOS INFLUENCIARÃO OS
EVENTOS EM TEMPO RE...
(Prévia) Relatório anual - O que esperar dos aplicativos para eventos em 2015
of 6

(Prévia) Relatório anual - O que esperar dos aplicativos para eventos em 2015

O final de 2015 se aproxima e, enfim, chegou aquele momento propício para analisarmos os erros e acertos do ano que termina, enquanto tentamos prever o que 2016 nos reserva. Na mobLee não é diferente, por isso, criamos um relatório contendo as dez principais tendências em aplicativos para eventos em 2016! Vem com a gente prever o futuro e fique por dentro das novidades e daquilo que você não pode perder :-)
Published on: Mar 4, 2016
Published in: Business      
Source: www.slideshare.net


Transcripts - (Prévia) Relatório anual - O que esperar dos aplicativos para eventos em 2015

  • 1. relatório anual O QUE ESPERAR DOS APLICATIVOS PARA EVENTOS EM Crédito – foto de capa Título: LEGO Back to the Future DeLorean (3) Fonte: flickr.com Autor: Dunechaser mobLee - appgrading your event | 2015 Todos direitos reservados ™
  • 2. O QUE ESPERAR DOS APLICATIVOS PARA EVENTOS EM 2016 SUMÁRIO Introdução............................................................................................. Tendência 01......................................................................................... Tendência 02......................................................................................... Tendência 03......................................................................................... Tendência 04......................................................................................... Tendência 05......................................................................................... Tendência 06......................................................................................... Tendência 07......................................................................................... Tendência 08......................................................................................... Tendência 09......................................................................................... Tendência 10......................................................................................... Conclusão............................................................................................... 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14
  • 3. O QUE ESPERAR DOS APLICATIVOS PARA EVENTOS EM 2016 4 INTRODUÇÃO A cada ano, os paradigmas de inovação são alterados nos mais diversos segmentos. Aquilo que era tendência se torna obrigação, e as promessas latentes de um futuro não concretizado são convertidas em metas para o plano de ação do ano corrente. No contexto do mercado de eventos, é fundamental que os organizadores estejam atentos ao que surge de novo. Essa tarefa nem sempre é fácil, por isso, buscar parceiros e fornecedores que demonstrem empenho na realização de estudos de tendências e oportunidades e na disponibilização dessas em seus produtos e serviços é igualmente importante. 2015 se encerra como um ano um tanto conturbado. Os conflitos políticos e a economia debilitada exerceram influência sobre as decisões de diversos organizadores de eventos. Na busca por meios para se reduzir custos e ampliar a receita, os aplicativos para eventos despontaram de vez e devem encarar um ano dos mais promissores pela frente. Portanto, para que você fique por dentro do que está por vir, nós preparamos o relatório anual “O que esperar dos aplicativos para eventos em 2016”, reunindo as 10 principais tendências do segmento. Confira!
  • 4. O QUE ESPERAR DOS APLICATIVOS PARA EVENTOS EM 2016 A EXPERIÊNCIA DO USUÁRIO SERÁ UM DIVISOR DE ÁGUAS 5 Há muito, falar da popularidade dos smartphones é chover no molhado. O que dirá citar a importância dos aplicativos móveis no nosso dia a dia. Nos comunicamos e nos informamos, fazemos compras, registramos momentos especiais, nos entretemos… Os aplicativos nunca foram tão proficientes e, da mesma forma, nossa dependência em relação a eles nunca foi tão grande. Desenvolvedores e designers mobile estão cada vez mais experientes e qualificados. Consequentemente, a qualidade daquilo que produzem também aumenta progressivamente. Em última instância, tudo isso torna os usuários mais atentos e críticos relativamente aos aplicativos que utilizam. Nesse interim, a qualidade da interface gráfica e das interações deixaram de ser um diferencial de certos aplicativos e se tornaram item absolutamente obrigatório. Os usuários já não admitem experiências confusas e problemáticas, e um aplicativo para eventos difícil de utilizar será uma aposta certeira no fracasso.
  • 5. O QUE ESPERAR DOS APLICATIVOS PARA EVENTOS EM 2016 OS DADOS GERADOS PELOS APLICATIVOS INFLUENCIARÃO OS EVENTOS EM TEMPO REAL O fato de boa parte de nossas interações no dia a dia passarem, de alguma forma, pelo meio digital, tem resultado na produção de uma quantidade massiva e altamente diversificada de dados. Eles podem ser utilizados das mais diversas formas: facilitando nossas vidas ou, simplesmente, nos levando à compra de algo. No mercado de eventos, nem todos os organizadores estão plenamente cientes de seu potencial, contudo, outros já começam abraçar os dados como meio para a atração de novos participantes e proposição de melhorias diversas no escopo do evento. 2016, no entanto, deve demarcar o início de um momento de virada, onde os dados produzidos, não apenas, serão melhor aproveitados, como também serão utilizados em tempo real pelos organizadores, como maneira para moldar a experiência de seus participantes. Nesse cenário, os aplicativos exercem papel essencial. A partir deles, será possível analisar e mensurar os interesses dos participantes, realizando ajustes finos ao longo do processo. 6

Related Documents