COESÃOCoesão é a amarração entre várias partes do texto; na definiçãodefinição de Maria Thereza FragaRocco, considera-se...
Dêiticos são elementos linguísticos que indicam o lugar (aqui) ou otempo (agora) em que um enunciado é produzido e também ...
O que você quer que eu faça com uma blusa assim?Como é sua casa?O termo assim em (a) foi empregado deiticamentepara repres...
Os pronomes pessoais são palavras que têm sua carga significativa plena apenas quando relacionadas a um substantivo (já ...
3 – Os pronomes possessivos, além de representar posse, também fazem referência textual.“Através do projeto, os professo...
5 – Os pronomes demonstrativos, no contexto textual, relacionam- se a uma pessoa do discurso e indicam a posição dos sub...
No caso das palavras fóricas, isto é, de palavras que preenchem seu significado pela associação com um referente, como é o...
7 – Os advérbios dão coordenadas sobre a localização no espaço e no tempo dos elementos a que se referem e que podem ap...
Os conectivos – conjunções ou preposições – são responsáveis pela ligação de elementos lingüísticos (palavras, frases, or...
of 9

Portal - Prof. Jorge : Coesão

Published on: Mar 4, 2016
Source: www.slideshare.net


Transcripts - Portal - Prof. Jorge : Coesão

  • 1. COESÃOCoesão é a amarração entre várias partes do texto; na definiçãodefinição de Maria Thereza FragaRocco, considera-se “coesão comosendo a não íntima entre as partes de um todo”
  • 2. Dêiticos são elementos linguísticos que indicam o lugar (aqui) ou otempo (agora) em que um enunciado é produzido e também indicam osparticipantes de uma situação do enunciado (eu/tu). São dêiticos: ospronomes pessoais que indicam os participantes; os advérbios delugar, que são marcadores de tempo (agora, hoje, amanhã, etc.); osdemonstrativos (aqui, lá, este, esse, aquele, etc). Os dêiticos só podemser entendidos se houver uma explicitação, mesmo dentro da situaçãode comunicação.Por exemplo, um bilhete com a mensagem:Eu quero que você vá hoje ao meu escritório.O termo hoje perde o sentido, se não houver um referencial da data emque o bilhete foi escrito. Também o pronome eu deve estar,certamente, explícito no contexto, caso contrário, ninguém sabe a quemse refere. Por isso, diz-se que o termo dêixis significa apontar para.
  • 3. O que você quer que eu faça com uma blusa assim?Como é sua casa?O termo assim em (a) foi empregado deiticamentepara representar a situação em que a blusa seencontrava. Certamente a blusa está em péssimoestado e a palavra assim aponta para isso. Assimcomo o advérbio interrogativo de modo comoindaga sobre características da casa, que certamentenuma resposta apontaria para o predicativo dosujeito: minha casa é pequena e aconchegante.
  • 4. Os pronomes pessoais são palavras que têm sua carga significativa plena apenas quando relacionadas a um substantivo (já citado anteriormente ou que ainda será citado.) Isso significa que um pronome nunca tem autonomia e, por referir-se a outro termo, torna-se peça fundamental na “arquitetura” de um texto. 1 - Meus amigos, meus irmãos, cortai os lábios da mulher morena. Eles são maduros e úmidos e inquietos (Vinícius de Moraes)Obs.: O pronome eles refere-se a um termo antecedente: os lábios da mulher morena, referência anafórica.2 – Vós, meus amigos e meus irmãos, que guardais os meus cantos.Obs.: O pronome vós refere-se a um termo que ainda será citado: meus amigos e meus irmãos, referência catafórica.
  • 5. 3 – Os pronomes possessivos, além de representar posse, também fazem referência textual.“Através do projeto, os professores podem usar o jornal de forma interdisciplinar. Eles pegam o jornal com seus diferentes temas e cadernos e aproximam o aluno da sua realidade.4 – Os pronomes relativos, alem de retomarem um termo antecedente, via de regra introduzem uma oração subordinada e desempenham função sintática nessa oração. O incorreto emprego de pronomes relativos (o qual, que, cujo) desestrutura por completo um texto.A república é ainda uma jovem de quatorze anos, cujos princípios estão em plena fase de consolidação sob o governo de Rodrigues Alves.
  • 6. 5 – Os pronomes demonstrativos, no contexto textual, relacionam- se a uma pessoa do discurso e indicam a posição dos substantivos em relação ao que se declara dele:Em campo, os jogadores retribuíram o interesse do público, da melhor maneira: balançando as redes. Foram 250 gols em 90 jogos, gerando uma média de 2,7. A torcida que mais vezes comemorou foi a do Sport. Este fez 40 gols, contra 38 do Náutico e 32 do Santa.6 – Os pronomes indefinidos, como sabemos, são aqueles que se referem à terceira pessoa do discurso de modo impreciso, indeterminado, genérico:que apanhe o grito de um galo antes e o lance a outro.Obs.: O pronome outro refere-se a um termo antecedente: um galo, referência anafórica.
  • 7. No caso das palavras fóricas, isto é, de palavras que preenchem seu significado pela associação com um referente, como é o caso dos pronomes, o distanciamento entre eles (a palavra fórica e seu referente) pode provocar ambiguidade ou, até mesmo, ruptura da sustentação coesiva.
  • 8. 7 – Os advérbios dão coordenadas sobre a localização no espaço e no tempo dos elementos a que se referem e que podem aparecer no contexto textual.O parque não hospeda turistas. Uma boa dica é a Fazenda Santa Amélia que fica a 30km dali.8 – A substituição com função de concisão evita a redundância na exposição das ideias, retomando uma palavra, frase, período com o emprego de termos como assim, o mesmo, também etc.:E Bernardo Resende já avisou qual o próximo objetivo da seleção masculina de vôlei. “Ouro nos jogos de Atenas? Sim, esse é o nosso sonho, mas muitas equipes querem o mesmo. Então o sofrimento começará de novo.Obs.: O pronome mesmo faz referência a querem ouro nos jogos de Atenas.
  • 9. Os conectivos – conjunções ou preposições – são responsáveis pela ligação de elementos lingüísticos (palavras, frases, orações, Períodos), podendo carregar ou não significado para as relações que fazem. As conjunções, assim como as preposições, não desempenham função sintática, o que ressalta seu papel de elementos conectores.A artista plástica Sylvia Martins sempre quis viver em um barco. Contudo, enquanto o sonho não se realiza, a gaúcha de 48 anos vive debruçada sobre o azul do Arpoador, em um loft contemporâneo que conta até com uma cozinha em forma de proa, de frente para o marOrdenadores textuais – em resumo; por um lado; por outro lado; daí, então; para começar etc.Se Por um lado a diretoria faz uma jogada de risco em apostar num treinador em inícios de carreira, mas com uma forte ligação com o clube, por outro lado, Mauro Galvão coloca a acomodação de lado e deixa de ser auxiliar técnico...

Related Documents