ÍNDICE
ALTURA DO VÃO PARA PORTA MONTADA.............................. 09
LARGURA DO VÃO PARA PORTA MONTADA...................
ÍNDICE
QUANDO INSTALAR A PORTA ............................................74
EVITE O TRÂNSITO ..............................
CARO CLIENTE PORMADE,
É com muita alegria que apresentamos o manual das 111 soluções em portas
Pormade, onde dividimos com...
TABELA DE VÃOS PADRÃO
07
TABELA DE VÃOS PARA
PORTA DUPLA PADRÃO
08
01 Altura do vão para porta montada
VISTA LATERAL
Nível do piso acabado
como revestimento
final.
ALTURA DO VÃO PARA BATENT...
VISTA SUPERIOR
02 Largura do vão para porta montada
LARGURA DO VÃO PARA PORTA COM 80CM
PROJETOEEXECUÇÃO
10
VISTA SUPERIOR
11
03 Largura do vão para porta dupla montada.
LARGURA DO VÃO PARA PORTA DUPLA COM 70CM
PROJETOEEXECUÇÃO
VISTA LATERAL
NÍVEL DO PISO ACABADO COM
O REVESTIMENTO FINAL
04 Determinação da altura necessária
para a instalação da por...
05 Determinação da largura necessária
para a instalação da porta e guarnições
VER DETALHES
DE FOLGAS NA
SOLUÇÃO 02
PROJETO...
06 Cuidado com paredes fora do prumo
CUIDADO COM PAREDES
FORA DO PRUMO,
pois as guarnições irão evidenciar
este defeito. A...
07 Altura do pé direito
PROJETOEEXECUÇÃO
TOMAR CUIDADO
para não diminuir muito o pé direito
do apartamento, para que não s...
08 Batente guarnição X Bloco de alvenaria
CUIDADO
com o tamanho (largura) do bloco
na alvenaria em relação a largura da
vi...
09 Projeto estrutural
Após o projeto estrutural ter
definido a posição dos pilares,
faça uma sobreposição com o
projeto ar...
10 Altura viga estrutural
Após o calculista realizar o dimensionamento da estrutura,
verifique o impacto da altura das vig...
11 Vão da porta pronta
Solução: Não utilize o vão da Porta
Pronta para passagem de tubulações
na cabeceira ou nas laterais...
12 Drenagem de ar condicionado
PROJETOEEXECUÇÃO
Evite passar tubulações para drenagem das
unidades evaporadoras próximas a...
13 Ar condicionado SPLIT
PROJETOEEXECUÇÃO
Cuidado com a posição da unidade evaporadora
do split.
21
Solução: Evite colocar...
14 Instalação do Kit de correr
SEM PAREDE REBAIXADA
EXEMPLO DA PORTA DE
210CM DE ALTURA E
GUARNIÇÃO DE 5,9CM.
EXEMPLO DA P...
15 Instalação do Kit de correr
COM PAREDE REBAIXADA
EXEMPLO DA PORTA DE
210CM DE ALTURA E
GUARNIÇÃO DE 5,9CM
EXEMPLO DA PO...
16 VÃO PARA KIT DE CORRER COM
TRILHO EMBUTIDO NA PAREDE
Y
68
78
88
106
98
111
PORTA (CM)
62
72
82
100
92
105
X
147,5
167,5...
17 PORTA PIVOTANTE
Observar a distância mínima do pino para a porta
pivotante, que é de 10 cm em relação ao batente,
o que...
18 VÃO PARA PORTA PIVOTANTE
PROJETOEEXECUÇÃO
90
100
80
100
110
90
7060
80
70
PORTA
VÃOS PARA PORTA PIVOTANTE
LARGURA VÃO
2...
19 PRUMO E NÍVEL
Para se ter o correto funcionamento da porta e acabamento das guarnições.
AS PAREDES DEVEM
ESTAR RIGOROSA...
PROJETOEEXECUÇÃO
20 INTERRUPTORES DE LUZ
28
Solução: Peça para mudar os
interruptores ou tomadas
Atenção: Nesse caso a gua...
21 SHAFT E PORTAS DUPLAS
PROJETOEEXECUÇÃO
BATEDEIRA
Solução: Não esquecer que no caso do Shafts só é possível verificar
a ...
22 TAMANHO DO CORREDOR
PROJETOEEXECUÇÃO
DETALHE DO
CORREDOR
DETALHE DE INSTALAÇÃO DA
GUARNIÇÃO E RODAPÉ
DETALHE DO
CORREDO...
23 ASSENTAMENTO DA CERÂMICA
Solução: Tomar cuidado para inter-
romper o assentamento da cerâmica
antes do final do vão, pa...
24 REVESTIMENTO CERÂMICO
PROJETOEEXECUÇÃO
32
QUE NÃO SEJA PRECISO ENGROSSAR
O EMBOÇO (COMO NA FOTO), EVITANDO
GERAR ERROS ...
25 SOLEIRAS E PISOS ADJACENTES
PROJETOEEXECUÇÃO
33
SOLUÇÃO:
ATENÇÃO COM A ALTURA DAS
SOLEIRAS E PISOS ADJACENTES,
PARA QUE...
26 TRAVAMENTO DAS
FORMAS DE ESTRUTURA
PROJETOEEXECUÇÃO
Se as formas da viga ou do pilar vistos na foto,
estufarem durante ...
27 POSICIONAMENTO DAS
LOUÇAS SANITÁRIAS
PROJETOEEXECUÇÃO
O projeto arquitetônico deve levar em conta o gabarito da bacia e...
28 BANCADA DA PIA,
TEM ESPAÇO?
Solução: Chanfrar a pia no lado da porta, assim
não precisará diminuir a largura da pia em ...
29 CORREÇÃO DOS VÃOS
TABELA DE VÃOS PARA PORTA MONTADA
Porta Largura do Vão Altura do Vão
60x210 68
78
88
98
108
70 216
21...
30 COR DA BORRACHA
ESPECIFICAÇÃODOPRODUTO
BORRACHA BRANCA
para portas pintadas de
branco.
BORRACHA BEGE
para portas
envern...
31 COR E MODELO DE FERRAGENS
Identificar cor/modelo de ferragens por item de pedido, iclusive dobradiças.
Deve-se também i...
32 TIPOS DE DOBRADIÇAS
PROJETOEEXECUÇÃESPECIFICAÇÃODOPRODUTO
As dobradiças sem anéis são usadas em portas
leves. As com an...
33 OLHO MÁGICO
Solução: O instalador deverá furar como broca direcionada,
de aço rápido, preferencialmente utilizando-se u...
34 PORTA ANTI PÂNICO
PROJETOEEXECUÇÃESPECIFICAÇÃODOPRODUTO
APERTE E
EMPURRE
C2998
Sinalização para
portas de saída de
emer...
35 NOMENCLATURA NORMATIZADA
CONTRA
TESTA
LINGUETA
MAÇANETA MÁQUINA
TESTA FIXA
LINGUETA
CHAVE
CONTRA
PLACA
= 16mm
r = 8mm
T...
36 UTILIZAÇÃO DE FECHADURAS
COM MÁQUINA 22MM
PROJETOEEXECUÇÃESPECIFICAÇÃODOPRODUTO
Solução: NÃO UTILIZE
FECHADURAS COM MÁQ...
37 PORTAS COM
VENEZIANA E VISOR
DETALHE DO CORTE
DA VENEZIANA
DENTRO
FORA
SECÇÃO TRANSVERSAL
VENEZIANA
SITUAÇÃO A SITUAÇÃO...
38 AMBIENTES ESPECÍFICOS
PROJETOEEXECUÇÃESPECIFICAÇÃODOPRODUTO
Solução: Buscar informações sobre as exigências impostas pe...
39 AMBIENTES SEM JANELA
JANELA
EXAUSTÃO
PORTA
AR ENTRA POR
DEBAIXO
DA PORTA
AMBIENTE SEM JANELA
O AR PASSA
PELO FRESTO
DA ...
40 ALTURA E FOLGA
INFERIOR OU SUPERIOR
PROJETOEEXECUÇÃESPECIFICAÇÃODOPRODUTO
MEDIDAS DO BATENTE E DA PORTA
Verificar event...
41 VENTILAÇÃO NO SUBSOLO
PARA O SUBSOLO, É NECESSÁRIO PORTAS COM
VENTILAÇÃO?
SIM. Normalmente será necessária a colocação ...
42 TEM ESPAÇO
PARA A GUARNIÇÃO ?
PROJETOEEXECUÇÃESPECIFICAÇÃODOPRODUTO
BONECA
BONECA
BONECA
BONECA
Verificar se há boneca ...
43 PORTAS PARA PINTURA
Lembrar de esclarecer se as portas para a pintura devem ou não ter capas. Caso não
seja informada e...
44 BATENTE REGULÁVEL
COM BASE IMPERMEABILIZADA
PROJETOEEXECUÇÃESPECIFICAÇÃODOPRODUTO
Solução: Ajusta-se às paredes com irr...
45 GUARNIÇÃO REGULÁVEL
Atenção: O uso da guarnição regulável
facilita a instalação e agiliza a obra.
ESPECIFICAÇÃODOPRODUT...
46 COMPLEMENTO DE OBRA
ESPECIFICAÇÃODOPRODUTO
Solução: INCLUA NO SEU
PEDIDO ALGUMAS PORTAS E
GUARNIÇÕES A MAIS PARA
COMPLE...
Solução: O USO DE DISPOSITIVO MOBILE NA
MEDIÇÃO DAS OBRAS, ALÉM DE GARANTIR A
PRECISÃO DAS MEDIDAS, AGILIZA O PROCES-
SO. ...
48 TALISCA PARA EMBOÇO
Muitas vezes, para que seja possível adiantar a determinação das larguras
dos batentes, adequando-s...
49 PORTAS FORA DE PADRÃO
LEVANTAMENTODEMEDIDAS
Solução: Nenhum produto fora de
padrão ou qualquer alteração de
característ...
50 LADOS DAS GUARNIÇÕES
Guarnição=Alisar=vista.
Batente=Aduela=Caixa de Porta=Marco.
Solução:
CABECEIRAS E PERNAS AVULSAS ...
51 NOME DA OBRA
LEVANTAMENTODEMEDIDAS
Não colocar somente «Construtora». É necessário
informar em todos os documentos (ped...
52 ALTERAÇÕES DE PLANILHAS
LEVANTAMENTODEMEDIDAS
Pedidos não serão aceitos por
carta.
Toda alteração na planilha deverá
se...
53 PRAZO DE ENTREGA
LEVANTAMENTODEMEDIDAS
Sempre fornecer o levantamento
de quantidade de ferragens da
planilha e, se poss...
Pormade - 111solucoes parte 1
Pormade - 111solucoes parte 1
of 60

Pormade - 111solucoes parte 1

A Pormade, maior indústria de portas do Brasil, desde 1980 vem investindo em educação e inovação e agora chegou a hora de compartilhar um pouco do seu DNA para o mercado.
Published on: Mar 4, 2016
Published in: Engineering      
Source: www.slideshare.net


Transcripts - Pormade - 111solucoes parte 1

  • 1. ÍNDICE ALTURA DO VÃO PARA PORTA MONTADA.............................. 09 LARGURA DO VÃO PARA PORTA MONTADA............................ 10 LARGURA DO VÃO PARA PORTA DUPLA MONTADA................... 11 ALTURA PARA INSTALAÇÃO DA PORTA E GUARNIÇÃO................ 12 LARGURA PARA INSTALAÇÃO DA PORTA E GUARNIÇÃO.............. 13 PAREDES FORA DE PRUMO.............................................. 14 ALTURA DO PÉ DIREITO.................................................. 15 GUARNIÇÃO X ALVENARIA............................................... 16 PROJETO ESTRUTURAL.................................................. 17 VIGA ESTRUTURAL ...................................................... 18 VÃO DA PORTA ........................................................... 19 DRENAGEM DE AR CONDICIONADO .................................... 20 AR CONDICIONADO SPLIT .............................................. 21 KIT DE CORRER SEM PAREDE REBAIXADA............................. 22 KIT DE CORRER COM PAREDE REBAIXADA ............................ 23 KIT DE CORRER COM TRILHO EMBUTIDO ............................ 24 PORTA PIVOTANTE ...................................................... 25 VÃO PARA PORTA ........................................................ 26 PRUMO E NÍVEL .......................................................... 27 INTERRUPTORES DE LUZ ................................................ 28 SHAFT E PORTAS DUPLAS .............................................. 29 TAMANHO DO CORREDOR .............................................. 30 ASSENTAMENTO DA CERÂMICA ......................................... 31 REVESTIMENTO CERÂMICO ............................................. 32 SOLEIRAS E PISOS ADJACENTES ....................................... 33 FORMAS DE ESTRUTURA ............................................... 34 LOUÇAS SANITÁRIAS .................................................... 35 BANCADA PARA PIAS .................................................... 36 CORREÇÃO DOS VÃOS................................................... 37 PROJETO DE EXECUÇÃO ESPECIFICAÇÃO DO PRODUTO LEVANTAMENTO DE MEDIDAS COR DA BORRACHA ......................................................38 COR E MODELO DE FERRAGENS ........................................39 TIPOS DE DOBRADIÇAS ..................................................40 OLHO MÁGICO ............................................................41 PORTAANTI PÂNICO .....................................................42 NOMENCLATURA NORMATIZADA ........................................43 USO DE DISPOSITIVO MOBILE PARA MEDIR OBRAS ...................55 TALISCA PARA EMBOÇO ..................................................56 PORTAS FORA DE PADRÃO ...............................................57 LADO DAS GUARNIÇÕES .................................................58 NOME DA OBRA ...........................................................59 ALTERAÇÕES DE PLANILHAS ............................................60 PRAZO DE ENTREGA ......................................................61 CONFIRMAÇÃO DE ENTREGA ............................................62 LOGÍSTICA E INSTALAÇÃO ...............................................63 URGÊNCIA DA OBRA ......................................................64 ORDEM DE ENTREGA .....................................................65 LOCAL DE ENTREGA ......................................................66 DRENAGEM DO SUBSOLO ................................................67 GUARNIÇÕES SOLTAS ....................................................68 ARMAZENAGEM DAS PORTAS ............................................69 LOCAL DE ARMAZENAMENTO ............................................70 ARMAZENAGEM DAS GUARNIÇÕES .....................................71 TRANSPORTE EXTERNO ..................................................72 ACABAMENTO DAS FERRAGENS .........................................73 ENTREGA DO PRODUTO UTILIZAÇÃO DE FECHADURAS ..........................................44 VENEZIANA E VISOR ......................................................45 AMBIENTES ESPECÍFICOS ................................................46 AMBIENTES SEM JANELA.................................................47 ALTURA E FOLGA .........................................................48 VENTILAÇÃO NO SUBSOLO ..............................................49 ESPAÇO PARAA GUARNIÇÃO ............................................50 PORTAS PARA PINTURA ..................................................51 BATENTE REGULÁVEL ....................................................52 GUARNIÇÃO REGULÁVEL ................................................53 COMPLEMENTO DE OBRA ................................................54
  • 2. ÍNDICE QUANDO INSTALAR A PORTA ............................................74 EVITE O TRÂNSITO .......................................................75 LOCAL DA INSTALAÇÃO...................................................76 PRÉ-INSTALAÇÃO INSTALAÇÃO LIMPEZA E FINALIZAÇÃO DESEMBALAR AS PORTAS ................................................77 REBAIXES NO PISO........................................................78 TRATAMENTO NA PARTE INFERIOR DA PORTA........................79 PAREDES DRY WALL .......................................................80 PAREDES DE GESSO .......................................................81 PARAFUSOS PHILLIPS .....................................................82 POSICIONAMENTO DAS CUNHAS .........................................83 TRAVAS DAS PORTAS ......................................................84 ESPUMA DE POLIURETANO ...............................................85 TIPO DE ESPUMA DE POLIURETANO .....................................86 PONTOS DE APLICAÇÃO DE POLIURETANO .............................87 TEMPO DE CURA ...........................................................88 EXCESSO DE POLIURETANO ...............................................89 INSTALAÇÃO DE PORTAS DUPLAS .......................................90 CORTE DE GUARNIÇÕES ...................................................91 BATENTE, GUARNIÇÃO E RODAPÉ EM PVC ............................92 GUARNIÇÃO SEM CORTES .................................................93 CORTE DE GUARNIÇÕES ...................................................94 SILICONAR AS GUARNIÇÕES ...............................................95 PEÇA DO RODAPÉ ...........................................................96 CUNHAS PARA GUARNIÇÃO ................................................97 FIXAÇÃO DE GUARNIÇÕES REGULÁVEIS..................................98 BATEDOR OU PRENDEDOR .................................................99 NÃO UTILIZE TAPA FUROS.................................................100 RETRABALHOS E DISPERDÍCIOS .........................................101 ADEQUAÇÃO DOS VÃOS ..................................................102 TRAVAÇÃO DAS PORTAS ....................................................103 MAÇANETAS DAS PORTAS ..................................................104 FECHE AS JANELAS .......................................................110 CUIDADO COM AS CHAVES ...............................................111 PINTURA DAS PORTAS ....................................................112 PINTURA DE PAREDES ....................................................113 PROTEJAAS PORTAS ......................................................114 ACABAMENTO COM GESSO ...............................................115 SANCAS DE GESSO ........................................................116 EQUIPAMENTO DE SEGURANÇA ..........................................117 LIMPEZA DA OBRA .........................................................118 INCIDÊNCIA SOLAR .......................................................119 NÃO ENCOSTE OBJETOS ................................................105 INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS ............................................106 INSTALAÇÕES ELÉTRICAS PROVISÓRIAS ...............................107 EXTENSÕES ELÉTICAS NA OBRA .........................................108 REPOSIÇÕES E TROCAS DE MERCADORIAS .............................109
  • 3. CARO CLIENTE PORMADE, É com muita alegria que apresentamos o manual das 111 soluções em portas Pormade, onde dividimos com vocês toda nossa experiência com Porta Pronta. Baseado em nosso 5º mandamento, “Erros são tesouros, quando evidenciados, mostrados e discutidos”, onde o erro se torna tesouro quando vira um apren- dizado, e quando evidenciado nos ajuda a não cometê-lo novamente. Fizemos uma coletânea de todos os erros ocorridos em inúmeras obras, durante os 16 anos de experiência da Pormade com porta pronta, para que você, cliente, possa evitá-los em sua obra e, assim, evitar também retrabalhos e desperdícios. Acreditamos que com esse manual você ganhará tempo e dinheiro, pois evitará despesas desnecessárias. Um grande abraço, CLÁUDIO ZINI Diretor Presidente da PORMADE
  • 4. TABELA DE VÃOS PADRÃO 07
  • 5. TABELA DE VÃOS PARA PORTA DUPLA PADRÃO 08
  • 6. 01 Altura do vão para porta montada VISTA LATERAL Nível do piso acabado como revestimento final. ALTURA DO VÃO PARA BATENTE COM 2,11M PROJETOEEXECUÇÃO Folga Inferior 0.70 Porta 210.00 Porta 209.00 Porta 208.00 Folga Inferior 2.70 Folga Infeiror 1.70 Folga Superior 0.30 Vão Parede 215.00 Batente 2.30 Batente 3.30 Folga Fixação 1.70 09 SOLUÇÃO: Aproveitar as vantagens da porta em medida padrão.
  • 7. VISTA SUPERIOR 02 Largura do vão para porta montada LARGURA DO VÃO PARA PORTA COM 80CM PROJETOEEXECUÇÃO 10
  • 8. VISTA SUPERIOR 11 03 Largura do vão para porta dupla montada. LARGURA DO VÃO PARA PORTA DUPLA COM 70CM PROJETOEEXECUÇÃO
  • 9. VISTA LATERAL NÍVEL DO PISO ACABADO COM O REVESTIMENTO FINAL 04 Determinação da altura necessária para a instalação da porta e guarnições VER DETALHES DE FOLGAS NA SOLUÇÃO 01 PROJETOEEXECUÇÃO Alturadapernado batente(Hb) Espaçototal(Et) Largura Guarnição (Lg) Et= [(211+2,6) - 1,2] + 5,9 Et = 218,3 Et= [(Hb + 2,6) - 1,2 + Lg Espessura do Batente + Folga Superior Recuo de encaixe da Guarnição no Batente 12 HP= Altura da folha da porta Fi= Folga inferior Lg= Largura da guarnição Et= Espaço total
  • 10. 05 Determinação da largura necessária para a instalação da porta e guarnições VER DETALHES DE FOLGAS NA SOLUÇÃO 02 PROJETOEEXECUÇÃO 13 Lp= Largura da folha da porta Lg= Largura da guarnição Et= Espaço total
  • 11. 06 Cuidado com paredes fora do prumo CUIDADO COM PAREDES FORA DO PRUMO, pois as guarnições irão evidenciar este defeito. Além do retrabalho para refilar as guarnições, o seu aspecto estético estará comprometido. PROJETOEEXECUÇÃO 14 SOLUÇÃO: Construir o vão conforme a tabela da página 13
  • 12. 07 Altura do pé direito PROJETOEEXECUÇÃO TOMAR CUIDADO para não diminuir muito o pé direito do apartamento, para que não seja necessário refilar a cabeceira da guarnição. Para que isso não aconteça observe a solução 04. 15 SOLUÇÃO: Conforme página 12
  • 13. 08 Batente guarnição X Bloco de alvenaria CUIDADO com o tamanho (largura) do bloco na alvenaria em relação a largura da viga. PROJETOEEXECUÇÃO 16 Solução: Construir a parede na mesma espessura da viga.
  • 14. 09 Projeto estrutural Após o projeto estrutural ter definido a posição dos pilares, faça uma sobreposição com o projeto arquitetônico,verificando o impacto no funcionamento das portas. PROJETOEEXECUÇÃO 17 Solução: Fazendo assim é possível evitar essa situação
  • 15. 10 Altura viga estrutural Após o calculista realizar o dimensionamento da estrutura, verifique o impacto da altura das vigas, na estética do conjunto Porta Pronta PORMADE. PROJETOEEXECUÇÃO 18 Solução: A solicitação do carregamento, bem como o inter-eixo dos pilares, contribuiu para o aumento da altura. Desta forma influenciou diretamente no aspecto estético da guarnição ou alisar.
  • 16. 11 Vão da porta pronta Solução: Não utilize o vão da Porta Pronta para passagem de tubulações na cabeceira ou nas laterais do batente. Isto poderá influenciar no espaço necessário para instalar a porta. PROJETOEEXECUÇÃO 19
  • 17. 12 Drenagem de ar condicionado PROJETOEEXECUÇÃO Evite passar tubulações para drenagem das unidades evaporadoras próximas ao batente das portas. Os projetos de arquitetura e hidráulica deverão levar em conta essa particularidade, para que não seja necessário aumentar a espessura das paredes e consequentemente a largura dos batentes. 20 Solução:Dessa form evita-se aumentar o custo do conjunto Porta Pronta PORMADE.
  • 18. 13 Ar condicionado SPLIT PROJETOEEXECUÇÃO Cuidado com a posição da unidade evaporadora do split. 21 Solução: Evite colocar em cima das portas, pois isto irá prejudicar a colocação da parte superior das guarnições.
  • 19. 14 Instalação do Kit de correr SEM PAREDE REBAIXADA EXEMPLO DA PORTA DE 210CM DE ALTURA E GUARNIÇÃO DE 5,9CM. EXEMPLO DA PORTA DE 82CM DE LARGURA E GUARNIÇÃO DE 5,9CM. PROJETOEEXECUÇÃO Alturatotalexterna214,20 Alturatotalcomguarnição216,90 22 Solução: Ganho de espaço de circulação.
  • 20. 15 Instalação do Kit de correr COM PAREDE REBAIXADA EXEMPLO DA PORTA DE 210CM DE ALTURA E GUARNIÇÃO DE 5,9CM EXEMPLO DA PORTA DE 82CM DE LARGURA E GUARNIÇÃO DE 5,9CM PROJETOEEXECUÇÃO 23 Solução: Ganho de espaço de circulação.
  • 21. 16 VÃO PARA KIT DE CORRER COM TRILHO EMBUTIDO NA PAREDE Y 68 78 88 106 98 111 PORTA (CM) 62 72 82 100 92 105 X 147,5 167,5 203,5 187,5 213,5 127,5 Z 69,5 79,5 97,5 89,5 102,5 59,5 PROJETOEEXECUÇÃO 24 216,0 YZ Solução: Seguir essas medidas para o vão. Rebaixo 4,2
  • 22. 17 PORTA PIVOTANTE Observar a distância mínima do pino para a porta pivotante, que é de 10 cm em relação ao batente, o que também diminui o vão de passagem. PROJETOEEXECUÇÃO 25 Solução: Nossas portas podem ser instaladas no sistema PIVOTANTE.
  • 23. 18 VÃO PARA PORTA PIVOTANTE PROJETOEEXECUÇÃO 90 100 80 100 110 90 7060 80 70 PORTA VÃOS PARA PORTA PIVOTANTE LARGURA VÃO 216 ALTURA VÃO 90 100 105 115 26 Atenção: O VÃO NA PAREDE, DEVE SER 10CM MAIS LARGO QUE A PORTA. (PIVOTANTE) EX: PARA UMA PORTA DE 90X210CM, O VÃO DEVE SER DE 100X216CM Solução: Nossas portas podem ser instaladas no sistema PIVOTANTE.
  • 24. 19 PRUMO E NÍVEL Para se ter o correto funcionamento da porta e acabamento das guarnições. AS PAREDES DEVEM ESTAR RIGOROSAMENTE NO PRUMO E ESQUADRO. O PISO DEVE ESTAR NO NÍVEL. PROJETOEEXECUÇÃO 27 Solução: Com isso, evitam-se o transtorno e os gastos com a quebra de paredes ou preenchimento com massa.
  • 25. PROJETOEEXECUÇÃO 20 INTERRUPTORES DE LUZ 28 Solução: Peça para mudar os interruptores ou tomadas Atenção: Nesse caso a guarnição precisa ser recortada, prejudicando a estética do produto.
  • 26. 21 SHAFT E PORTAS DUPLAS PROJETOEEXECUÇÃO BATEDEIRA Solução: Não esquecer que no caso do Shafts só é possível verificar a situação de abertura de um lado. Produzimos Shafts apenas com MDF 15mm. Consultar a fábrica para viabilidade de produção. Situação de abertura QUANDO A PORTA FOR DUPLA: 29 VERIFICAR SE DEVE SER ENVIADA BATEDEIRA TAMANHO E TIPO DOS FECHOS SUPERIORES E INFERIORES IDENTIFICAR A SITUAÇÃO (LADO DA FECHADURA)
  • 27. 22 TAMANHO DO CORREDOR PROJETOEEXECUÇÃO DETALHE DO CORREDOR DETALHE DE INSTALAÇÃO DA GUARNIÇÃO E RODAPÉ DETALHE DO CORREDOR PLANTA BAIXA 30 Solução: Quando for alinhar as paredes do corredor, não esquecer de aumentar a largura, acrescentando a espessura do emboço, para que não falte espaço para a instalação das guarnições e rodapé.
  • 28. 23 ASSENTAMENTO DA CERÂMICA Solução: Tomar cuidado para inter- romper o assentamento da cerâmica antes do final do vão, para evitar que a mesma venha a partir durante o proces- so de fixação das cunhas para travar a Porta Pronta PORMADE. PROJETOEEXECUÇÃO 31
  • 29. 24 REVESTIMENTO CERÂMICO PROJETOEEXECUÇÃO 32 QUE NÃO SEJA PRECISO ENGROSSAR O EMBOÇO (COMO NA FOTO), EVITANDO GERAR ERROS DE MEDIDAS NOS BATENTES. CUIDADO PARA Solução: Em muitos casos, em ambientes com cerâmicas nas paredes que ainda não foram assentadas, é necessário determinar a espessura da cerâmica e da argamassa de assentamento, para que seja possível levantar as medidas das larguras dos batentes.
  • 30. 25 SOLEIRAS E PISOS ADJACENTES PROJETOEEXECUÇÃO 33 SOLUÇÃO: ATENÇÃO COM A ALTURA DAS SOLEIRAS E PISOS ADJACENTES, PARA QUE NÃO HAJA DESALINHAMENTO DAS GUARNIÇÕES OU ALISARES.
  • 31. 26 TRAVAMENTO DAS FORMAS DE ESTRUTURA PROJETOEEXECUÇÃO Se as formas da viga ou do pilar vistos na foto, estufarem durante a concretagem, com certeza a espessura do emboço será maior e consequentemente faltará espaço para o posicionamento das guarnições ou alisares nas áreas demarcadas. 34 Solução: Ter cuidado durante a fase de montagem das formas, para que as mesmas permaneçam bem amarradas. e travadas.
  • 32. 27 POSICIONAMENTO DAS LOUÇAS SANITÁRIAS PROJETOEEXECUÇÃO O projeto arquitetônico deve levar em conta o gabarito da bacia e da cuba, para que a porta seja funcional, evitando problemas como nas fotos. Não esquecer de computar a espessura dos revestimentos. 35 Solução: Caso não exista espaço para instalar a porta articulada com dobradiças, utilizar o KIT DE CORRER PORMADE, deslizando a porta por fora do ambiente. Pode se utilizar a porta articulada com dobradiças, porém abrindo para fora do ambiente também. Quando utilizar esta opção, não esquecer de levar em conta o posicionamento dos interruptores de luz.
  • 33. 28 BANCADA DA PIA, TEM ESPAÇO? Solução: Chanfrar a pia no lado da porta, assim não precisará diminuir a largura da pia em todo seu comprimento. PROJETOEEXECUÇÃO 36 ATENÇÃO: CUIDADO COM O TAMANHO DAS BANCADAS PARA PIAS EM BANHEIROS, PARA QUE NÃO FALTE ESPAÇO PARA A GUARNIÇÃO.
  • 34. 29 CORREÇÃO DOS VÃOS TABELA DE VÃOS PARA PORTA MONTADA Porta Largura do Vão Altura do Vão 60x210 68 78 88 98 108 70 216 215 70x210 80x210 90x210 100x210 62x210 Verificar se as medidas do vão correspondem às medidas da Porta Pronta Pormade previstas no mural de instalação: O espaço para aplicação de espuma de poliuretano não pode ser maior do que 1,5cm. Seguindo nossas instruções de medidas para vãos de porta, o espaço será de 1,35cm. SOLUÇÃO: SE FOR MAIOR: Verificar se a guarnição irá cobrir o espaço entre a parede e o batente. SE FOR MENOR: Solicite o aumento dos vãos ao responsável da obra. PROJETOEEXECUÇÃO 37 A guarnição deverá ter largura o suficiente para cobrir o vão entre o batente e a parede. Caso não cubra, o vão deverá ser diminuído.
  • 35. 30 COR DA BORRACHA ESPECIFICAÇÃODOPRODUTO BORRACHA BRANCA para portas pintadas de branco. BORRACHA BEGE para portas envernizadas. Identifique nos pedidos a cor da borracha. Reforçar sempre o aviso aos responsáveis por escrito. Caso não exista informação no pedido, será considerado automaticamente BORRACHA NA COR BEGE. 38 Solução: Duas opções de cor de borracha
  • 36. 31 COR E MODELO DE FERRAGENS Identificar cor/modelo de ferragens por item de pedido, iclusive dobradiças. Deve-se também informar claramente no pedido se há variação de modelos e acabamentos por ambientes, por exemplo: Área Social com ferragens Máquina 55, Área de Serviço com Máquina 40, ou dobradiças Sociais com anel e Área de Serviço sem anel. ESPECIFICAÇÃODOPRODUTO 39 Solução:Qualquer tipo de ferragem adicional deverá ser identificada antecipadamente para estudo da viabilidade de instalação na fábrica através de desenho técnico e modelo enviado pelo cliente, com todas as informações referentes a forma de instalação necessária.
  • 37. 32 TIPOS DE DOBRADIÇAS PROJETOEEXECUÇÃESPECIFICAÇÃODOPRODUTO As dobradiças sem anéis são usadas em portas leves. As com anéis são para portas mais pesadas. Solução: Todas as Portas Prontas PORMADE levam dobradiça com rolamento. 40
  • 38. 33 OLHO MÁGICO Solução: O instalador deverá furar como broca direcionada, de aço rápido, preferencialmente utilizando-se um gabarito. Fure a porta com uma broca de 14mm ou 9/16’’, aplique conforme o desenho e rosqueie por dentro usando uma moeda. ESPECIFICAÇÃODOPRODUTO 41
  • 39. 34 PORTA ANTI PÂNICO PROJETOEEXECUÇÃESPECIFICAÇÃODOPRODUTO APERTE E EMPURRE C2998 Sinalização para portas de saída de emergência com dispositivo anti-pânico Solução: As portas devem ser cheias (enchimento BONDOOR) 42 ATENÇÃO: A FURAÇÃO DA FECHADURA DEVERÁ SER FEITA NA OBRA.
  • 40. 35 NOMENCLATURA NORMATIZADA CONTRA TESTA LINGUETA MAÇANETA MÁQUINA TESTA FIXA LINGUETA CHAVE CONTRA PLACA = 16mm r = 8mm TODAS AS INFORMAÇÕES REFERENTES À FERRAGENS DEVERÃO SER BASEADAS NESTA NOMENCLATURA. Solução: Para melhor entendimento entre produção, depto. Comercial e cliente, normatizamos a nomenclatura dos componentes da fechadura de acordo com a melhor forma de identificação indicada pela equipe da Porta Pronta, conforme: ESPECIFICAÇÃODOPRODUTO 43 ATENÇÃO: ANTES DE ESCOLHER O FORNECEDOR DE PORTAS, COMPRE AS DOBRADIÇAS E FECHADURAS PARA A SUA OBRA.TODAS AS FERRAGENS DEVEM CONTER CANTOS ARREDONDADOS E RAIO NUNCA INFERIOR A 8 mm.
  • 41. 36 UTILIZAÇÃO DE FECHADURAS COM MÁQUINA 22MM PROJETOEEXECUÇÃESPECIFICAÇÃODOPRODUTO Solução: NÃO UTILIZE FECHADURAS COM MÁQUINA 22 mm em portas de madeira. Como fica evidente nas fotos desta página, não há espaço suficiente entre a chave e o batente para girar o cilindro. 44
  • 42. 37 PORTAS COM VENEZIANA E VISOR DETALHE DO CORTE DA VENEZIANA DENTRO FORA SECÇÃO TRANSVERSAL VENEZIANA SITUAÇÃO A SITUAÇÃO B SITUAÇÃO C SITUAÇÃO D OBSERVADOR OBSERVADOR OBSERVADOR OBSERVADOR dentro fora dentro fora dentro fora dentro fora Solução: Identifique no pedido a posição das venezianas e dos baguetes nas situações A, B, C e D. ESPECIFICAÇÃODOPRODUTO 45 ATENÇÃO: DEVERÁ FICAR CLARO SE O CAIMENTO DAS PALHETAS FICARÁ PARA FORA DO AMBIENTE, PARA NÃO HAVER INVERSÃO.
  • 43. 38 AMBIENTES ESPECÍFICOS PROJETOEEXECUÇÃESPECIFICAÇÃODOPRODUTO Solução: Buscar informações sobre as exigências impostas pela vigilância sanitária, bombeiros, entre outros e confirmar com os responsáveis pela obra quanto a necessidade de adaptação às respectivas normas. 46 - Vidros em áreas de alimentação; - Veneziana em depósitos; - Fechadura anti pânico em auditórios;
  • 44. 39 AMBIENTES SEM JANELA JANELA EXAUSTÃO PORTA AR ENTRA POR DEBAIXO DA PORTA AMBIENTE SEM JANELA O AR PASSA PELO FRESTO DA PORTA PARA CIRCULAÇÃO DO AR EM AMBIENTES SEM VENTI- LAÇÃO (JANELA) O exaustor puxa o ar que entra no ambiente pela fresta inferior ou superior da porta. ESPECIFICAÇÃODOPRODUTO 47 Solução: Quanto maior a necessidade de ventilação, maior o fresto.
  • 45. 40 ALTURA E FOLGA INFERIOR OU SUPERIOR PROJETOEEXECUÇÃESPECIFICAÇÃODOPRODUTO MEDIDAS DO BATENTE E DA PORTA Verificar eventuais diferenças de medida do batente para a porta – porta sempre menor que o batente, normalmente utilizado em ambientes com exaustão mecânica (sem janela). 48 Solução: EX. PORTA DE BANHEIRO, PRÉDIOS RESIDENCIAIS OU SALAS COMERCIAIS, BWC (2 cm DE FRESTA INFERIOR)
  • 46. 41 VENTILAÇÃO NO SUBSOLO PARA O SUBSOLO, É NECESSÁRIO PORTAS COM VENTILAÇÃO? SIM. Normalmente será necessária a colocação de portas que permitam ventilação. AM JANELA EXAUSTÃO PORTA AR ENTRA POR DEBAIXO DA PORTA BIENTE SEM JANELA VENEZIANA ESPECIFICAÇÃODOPRODUTO 49 Solução: Usar porta com veneziana superior e inferior.
  • 47. 42 TEM ESPAÇO PARA A GUARNIÇÃO ? PROJETOEEXECUÇÃESPECIFICAÇÃODOPRODUTO BONECA BONECA BONECA BONECA Verificar se há boneca (parede suficiente) para a colocação da guarnição em portas entre paredes que formem ângulo de 90 graus. Em caso de dúvida, observe a solução 05. Quando os vãos forem maiores que o recomendado, deve-se verificar se a largura da guarnição é suficiente para cobrir o espaço entre o batente e a parede. 50 Solução: Guarnição de 5cm - Boneca de 3cm Guarnição de 6cm - Boneca de 4cm Obs.: A boneca pode ter até 2cm a menos do que a largura da guarnição
  • 48. 43 PORTAS PARA PINTURA Lembrar de esclarecer se as portas para a pintura devem ou não ter capas. Caso não seja informada esta condição, serão produzidas portas sem capa. ESPECIFICAÇÃODOPRODUTO QUADRO EXTERNO OENCHIMENT BONDOOR CHAPA DE MDF OU DURATREE 51 ATENÇÃO: NO PEDIDO, SEMPRE ESPECIFIQUE SE A PORTA DEVE OU NÃO TER CAPA. Solução: Vantagens da porta sem capa: Menor preço Melhor acabamento e pintura Ideal para pintura, pois dispensa que a porta seja lixada várias vezes Porta lisa com chapa dura = solução inteligente
  • 49. 44 BATENTE REGULÁVEL COM BASE IMPERMEABILIZADA PROJETOEEXECUÇÃESPECIFICAÇÃODOPRODUTO Solução: Ajusta-se às paredes com irregularidades na espessura e a base é resistente à umidade. Revestimento Guarnição Revestida Base da Guarnição em Poliuretano Revestido Madeira Mecanicamente Processada Base de Poliuretano 52
  • 50. 45 GUARNIÇÃO REGULÁVEL Atenção: O uso da guarnição regulável facilita a instalação e agiliza a obra. ESPECIFICAÇÃODOPRODUTO BATENTE REGULÁVEL PAREDE A parede pode apresentar espessuras variáveis, curvas e imperfeições. GUARNIÇÃO FIXA COM BASE DE POLIURETANO ESPUMA DE POLIURETANO BORRACHA AMORTECEDORA ANTI-IMPACTO E ANTI-RUÍDO NAS CORES BEGE E BRANCAHASTES DE: 20 mm / 30 mm / 40 mm / 70mm OPÇÕES DE MEDIDAS DO BATENTE 90 mm / 110mm / 140 mm / 160 mm / 190 mm / 220mm MEDIDA REGULÁVEL MÁXIMA 70 mm GUARNIÇÃO AJUSTAVEL COM BASE DE POLIURETANO 53
  • 51. 46 COMPLEMENTO DE OBRA ESPECIFICAÇÃODOPRODUTO Solução: INCLUA NO SEU PEDIDO ALGUMAS PORTAS E GUARNIÇÕES A MAIS PARA COMPLEMENTO DE OBRA. Isso evita atrasos de entrega no final da obra. 54
  • 52. Solução: O USO DE DISPOSITIVO MOBILE NA MEDIÇÃO DAS OBRAS, ALÉM DE GARANTIR A PRECISÃO DAS MEDIDAS, AGILIZA O PROCES- SO. Os números são passados diretamente para a fábrica via e-mail, que pode imediata- mente dar início a programação da produção das portas. As planilhas de medição devem ser conferidas e assinadas pelo engenheiro, junto com a ata de medição. “ LEVANTAMEN- TO DE PORTAS PARA A PRODUÇÃO”. 47 USO DE DISPOSITIVO MOBILE PARA MEDIR OBRAS LEVANTAMENTODEMEDIDAS 55
  • 53. 48 TALISCA PARA EMBOÇO Muitas vezes, para que seja possível adiantar a determinação das larguras dos batentes, adequando-se ao cronograma físico-financeiro da obra, torna-se necessária a execução das taliscas. LEVANTAMENTODEMEDIDAS 56 Solução: OBSERVAR SEMPRE que o ideal é que sejam feitas as taliscas em, pelo menos, três pontos no vão da porta: INFERIOR, INTERMEDIÁRIO E SUPERIOR, PRÓXIMOS AO VÃO DA PORTA.
  • 54. 49 PORTAS FORA DE PADRÃO LEVANTAMENTODEMEDIDAS Solução: Nenhum produto fora de padrão ou qualquer alteração de características será industrializado sem um desenho devidamente aprovado pela produção/PORMADE e cliente. O custo é muito alto, pois a fábrica é toda informatizada e o fora de padrão tem que ser feito manualmente. No final do processo, o produto passou por 300 pessoas. 57
  • 55. 50 LADOS DAS GUARNIÇÕES Guarnição=Alisar=vista. Batente=Aduela=Caixa de Porta=Marco. Solução: CABECEIRAS E PERNAS AVULSAS DEVERÃO CONSTAR NO PEDIDO: MODELO MADEIRA COMPRIMENTO LEVANTAMENTODEMEDIDAS 58
  • 56. 51 NOME DA OBRA LEVANTAMENTODEMEDIDAS Não colocar somente «Construtora». É necessário informar em todos os documentos (pedidos, planilhas, resumos, etc.) o nome ou endereço da obra, para melhor identificação durante o processo de orçamento, pedido e linha de produção. Isso é importante para que as portas sejam entregues corretamente, pois as construtoras realizam simultaneamente várias obras. 59 CLIENTE OBRA COD. PORTA AMBEINTE CÓD BATENTE CÓD. GUARNIÇÃO SITUAÇÃO DE ABERTURA CÓD. VERNIZ OU PRIMER APTO ANDAR PEDIDO ONDE VAI A PORTA NO APTO LOTE FERRAGENS DATA PEDIDO DATA EMBARQUE 227 ( número sequencial para conferência) número que está na caixa de ferragens com os acabamentos das fachaduras. Solução:
  • 57. 52 ALTERAÇÕES DE PLANILHAS LEVANTAMENTODEMEDIDAS Pedidos não serão aceitos por carta. Toda alteração na planilha deverá ser executada por uma nova cópia devidamente identificada, datada e assinada com a alteração. Em hipótese alguma serão aceitas planilhas rasuradas. Isso evita desentendimento e transtornos para todos. 60 Solução: Nova versão de planilha.
  • 58. 53 PRAZO DE ENTREGA LEVANTAMENTODEMEDIDAS Sempre fornecer o levantamento de quantidade de ferragens da planilha e, se possível, enviar uma cópia do pedido. Quando o fornecimento for feito pela PORMADE, o almoxarifado deverá ser informado sobre as quantidades. 61 FERRAGENS PLANILHAS DE MEDIÇÃO DA OBRA, datadas e assinadas ORÇAMENTO assinado e datado CADASTRO DO CLIENTE liberado pelo setor financeiro PAGAMENTO da parcela de entrada Solução: O PRAZO DE CARREGAMENTO COMEÇA A CONTAR A PARTIR DA DATA DE CHEGADA DE TODOS OS ITENS NECESSÁRIOS PARA O INÍCIO DA PRODUÇÃO.

Related Documents